Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Lady Gaga: “Como branca e privilegiada, juro que apoiarei com amor a comunidade negra”

As palavras que Lady Gaga dedicou a George Floyd: indignação, racismo sistémico, silenciamento e o falhanço de Trump

Lady Gaga partilhou, nas redes sociais, uma mensagem de apoio aos que nos últimos dias se têm sentido enfurecidos e protestado contra a morte de George Floyd às mãos da polícia, em Minneapolis.

A cantora pediu apoio para a comunidade negra nos Estados Unidos, e criticou a forma como Donald Trump tem lidado com as tensões raciais desde a sua chegada ao poder.

"Esta é uma altura crítica para que a comunidade negra seja apoiada por todas as outras comunidades, para que possamos pôr fim a algo intrinsecamente errado", escreveu.

"Peço às pessoas para que falem gentilmente com os outros, falem com paixão, inspiração. Façam notar a importância deste problema, até que os sistemas que nos mantêm doentes morram".

Na mesma mensagem, Gaga insurge-se contra a violência que tomou conta de muitos dos protestos públicos em homenagem a Floyd. "Devemos mostrar amor à comunidade negra", disse.

"Como branca e privilegiada, juro que apoiarei com amor a comunidade negra. Não fizemos o suficiente para combater o racismo e lutar pelas pessoas que estão a ser mortas pelo racismo".

"Isto não é justiça, é uma tragédia épica que define o nosso país e assim o tem feito desde há muito. Estou triste e zangada, e usarei as palavras que encontrar para tentar comunicar o que precisa de mudar, de forma eficaz e não-violenta".

Leia o post de Lady Gaga, na íntegra: