Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

“Estou farto de ver homens negros a morrer”. O discurso emotivo de Killer Mike

“Acordei a desejar ver o mundo a arder”, afirma o membro dos Run the Jewels

O rapper Killer Mike fez um discurso emotivo, na sequência da morte de George Floyd e dos protestos que se lhe seguiram.

Filho de um polícia, Killer Mike esteve presente numa conferência de imprensa juntamente com a presidente da câmara da sua nativa Atlanta, Keisha Lance Bottoms, e do também rapper T.I.

O músico afirmou ter "muito amor e respeito por polícias", mas confessou-se "furioso". "Acordei a desejar ver o mundo a arder", explicou.

"Estou farto de ver homens negros a morrer. [Floyd] morreu como uma zebra, presa nas mandíbulas de um leão".

"É por isso que há crianças a incendiar tudo", continuou. "Não sabem o que mais hão de fazer. E nós temos a responsabilidade de melhorar isto. Não queremos ver apenas um polícia acusado, queremos ver quatro polícias processados e condenados".

"Não queremos ver lojas a arder, mas sim o sistema que permite este racismo sistémico. É meu dever estar aqui para vos dizer que é vosso dever não incendiar a própria casa, por estarem furiosos com um inimigo".

"É vosso dever fortificar a vossa casa, para que possa ser uma casa de refúgio em tempos em que é preciso organização", rematou.

Veja o discurso completo de Killer Mike: