Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

A cena apagada pela Netflix que está a enfurecer os fãs do filme “Regresso ao Futuro”

Em causa, o desaparecimento de um pormenor na versão restaurada do segundo filme da saga protagonizada por Michael J. Fox. Veja o antes e depois

Os fãs de "Regresso ao Futuro" estão a criticar duramente a Netflix, após a plataforma ter editado uma cena presente no filme "Regresso ao Futuro 2", disponibilizado esta semana para streaming.

Na cena em questão, Marty McFly - interpretado por Michael J. Fox - pega num exemplar da revista fictícia para adultos "Oh La La", pensando que se trata de um almanaque de desporto.

A cena foi editada de forma a que a revista fictícia não pareça ser destinada a adultos, de forma a tornar o filme mais orientado para as famílias.

A alteração não caiu bem junto dos fãs, que alegam tratar-se de um caso de censura por parte da Netflix. "Se editaram esta trilogia, quem sabe que outros filmes andaram a alterar sem notarmos", pode ler-se nas redes sociais.

Há também quem diga que este caso é um exemplo demonstrativo do "porquê de os meios físicos serem tão importantes".

"Posso ver o 'Regresso ao Futuro II' na sua edição original. Pensei que a Disney+ é que tinha um problema com a censura", escreveu outro fã. Entretanto, a Netflix restaurou a cena original.