Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Getty Images

As 60 cartas de agradecimento que Bono dos U2 escreveu a Nick Cave, David Bowie, Joy Division, Beyoncé e outros

Aos 60 anos, o vocalista dos U2 já havia partilhado a lista das canções que salvaram a sua vida. Agora, mostra as cartas que enviou a 60 vultos da música: dos Ramones a Patti Smith, dos Beatles aos Stones, de Kanye West a Nick Cave

O líder dos U2, Bono, partilhou várias cartas de agradecimento a nomes como Beyoncé, Kendrick Lamar, Prince ou Nick Cave.

Estas cartas surgem no seguimento da playlist que partilhou há alguns dias, das 60 canções que "salvaram" a sua vida, e são todas elas personalizadas.

A Kendrick Lamar e Beyoncé, por causa de 'Freedom', canção na qual os dois artistas colaboraram juntos, Bono escreveu "não há sítio algum onde esta canção não vá. A chama dessa liberdade é carregada por vocês dois porta-estandartes".

Sobre Prince, Bono afirmou não acreditar que alguém seja "um génio", mas acrescentou, a propósito de 'When Doves Cry', que o falecido músico "esteve perto".

Pelo meio, há também palavras de incentivo e admiração para com Kanye West ("é como se o hip-hop quisesse o cabedal do rock de volta"), Ramones ("o som da libertação pela humilhação") ou Billie Eilish ("tal como com Carole King ou Roy Orbison, isto nunca existiu antes de tu apareceres"). Todas as cartas de Bono podem ser lidas no website dos U2.