Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Facebook Guns N' Roses

A mensagem dos Guns N' Roses aos fãs: “Infelizmente, a digressão europeia não vai acontecer”

Pandemia da covid-19 anula a totalidade da digressão cujo início esteve agendado para 20 de maio, em Portugal. “Vamos ultrapassar isto juntos”

Os Guns N' Roses cancelaram a digressão europeia de 2020, cinco dias depois de a promotora portuguesa do espetáculo, a Everything Is New, ter dado como anulado o concerto de Algés a 20 de maio, em virtude das restrições provocadas pela situação pandémica.

A banda divulgou um comunicado, endereçado à “família GN' R”, no qual se pode ler que é com tristeza que anuncia que a digressão europeia “não vai acontecer”. “As coisas estão a mudar diariamente e queremos manter os nossos fãs, equipa e banda em segurança”, continua. Em linha com o que já havia divulgado a Everything Is New, aludindo a um pretendido adiamento para 2021, a banda de Axl Rose afirma estar em contacto “com os promotores, salas de espetáculo e cidades/países” para os “próximo passos” e promete “anúncios adicionais” para breve.

Recorde-se que a digressão terminaria a 27 de junho, na Irlanda, e era composta por 15 paragens, principalmente em estádios, mas também num festival como o Pinkpop, na Holanda. Uma data dupla no estádio do Totenham, em Londres, fica também sem efeito.

“Obrigado pela vossa paciência, ultrapassaremos isto juntos e esperamos vê-los a todos em breve”, conclui.

Recorde-se que em Portugal, à semelhança da generalidade dos países europeus, há fortes condicionalismos à realização de eventos, principalmente os de grande escala, até ao final do verão.