Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Laura Marling

“Donald Trump só quer colonizar a nossa mente, não lhe interessa como”. A psicanálise do Presidente dos EUA por Laura Marling

A cantora e compositora britânica está a meio de um curso de Psicanálise e confessa à BLITZ que Donald Trump é o sujeito que mais lhe interessa estudar

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

Laura Marling, que muito recentemente lançou o seu sétimo álbum, "Song For Our Daughter", falou à BLITZ sobre as novas canções, sobre a influência que descobrir o fundo de catálogo de Paul McCartney teve na escrita das mesmas e ainda sobre o curso de Psicanálise que se encontra a tirar.

"Nos meus 20 anos, fiz psicanálise e foi a terapia que melhor me fez", começou Laura Marling por contar. "Enquanto estudante, estou a metade do curso; fiz um ano, falta-me outro. O meu interesse é a aplicação da psicanálise fora da clínica, fazer psicanálise da cultura. Neste momento, Donald Trump é o pináculo desse meu interesse", revela a britânica, que viveu algum tempo nos Estados Unidos.

"Outro dia li algo genial, escrito por um analista britânico que defende que o derradeiro objetivo de Donald Trump é estar sempre presente nas nossas cabeças. Ele só quer colonizar a nossa mente, não lhe interessa saber como é que lá chega. Só quer dominar a consciência das pessoas, e confundi-las é a forma mais eficaz de o conseguir. É um autêntico tirano", considera a cantora-compositora de 30 anos.