Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Moby

Getty Images

Moby criticado por despedir funcionários do seu restaurante

"Fiquei sem seguro de saúde no meio de uma pandemia", lamenta um ex-funcionário do Little Pine

Moby está a ser duramente criticado nas redes sociais, após ter despedido vários funcionários do seu restaurante vegan em Los Angeles, a meio da pandemia da Covid-19.

O restaurante, denomeado Little Pine, fechou portas a 15 de março devido à pandemia. Desde então que os seus funcionários têm recorrido às redes sociais para criticar a forma como a situação foi gerida pelo dono.

Num artigo do website Eater, vários funcionários afirmam que Moby não respondeu às suas questões sobre o emprego e o seguro de saúde, e que só o fez após as críticas nas redes.

Os mesmos funcionários garantem que só na última semana lhes foi dito que o restaurante iria entrar "em hiato", sem um tempo definido.

Não foram anunciados quaisquer planos para que o Little Pine passe a operar em regime de take-away, nem para que os seus funcionários não percam os seus seguros de saúde.

"Fiquei sem seguro de saúde no meio de uma pandemia", lamentou um deles. "O meu seguro de saúde foi cancelado por um multimilionário".

O restaurante já reagiu às críticas, no Instagram: "Tentámos fazer a coisa certa, pagando aos gerentes, empregados, fornecedores e seguradoras. Como a maioria dos restaurantes, estamos com uma enorme dívida", pode ler-se, em comunicado.

O Little Pine lamenta ainda os ataques que lhe têm sido dirigidos "por inúmeros estranhos", num momento em que, diz, "está à beira da falência".