Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Nick Cordero à direita, junto de Taylor Swift (centro) e do ator Zach Braff (esq.)

Getty Images

Actor Nick Cordero vê perna amputada devido ao novo coronavírus

Aos 41 anos, o ator norte-americano passou três semanas nos cuidados intensivos. Sobreviveu, mas com sequelas graves

O ator Nick Cordero viu a sua perna direita amputada, devido a complicações provocadas pelo novo coronavírus.

Cordero, de 41 anos, passou cerca de três semanas na unidade de cuidados intensivos do hospital Cedars-Sinai, em Los Angeles, após ter descoberto estar infetado com o vírus, noticia o Consequence of Sound.

Durante a hospitalização, o ator teve alguns problemas relacionados com a formação de coágulos de sangue, na perna. Os médicos trataram-no com anticoagulantes, que lhe provocaram um sangramento nos intestinos.

A solução encontrada pelos médicos foi, portanto, a de amputar a perna, conforme explicou a mulher de Cordero, Amanda Kloots.

O ator já se encontra a recuperar da cirurgia, e Kloots espera que o marido possa agora "relaxar e descansar".

Uma página criada na plataforma GoFundMe, para ajudar Nick Cordero a pagar as suas despesas médicas, já angariou cerca de 276 mil euros.

Cordero é sobretudo conhecido pelo seu trabalho na Broadway, tendo já sido nomeado para um prémio Tony pela sua prestação na adaptação para teatro de "Balas Sobre a Broadway", filme de Woody Allen de 1994.