Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Eddie Vedder, dos Pearl Jam, em 2006

Gie Knaeps

Grandes concertos para ver em casa: Pearl Jam no Pavilhão Atlântico em 2006. Uma maratona de 134 minutos

Depois de uma ausência de seis anos, os Pearl Jam vieram a Portugal para dois concertos no então Pavilhão Atlântico, em Lisboa. A devoção da primeira noite ficou registada em vídeo. Em tempos de isolamento devido à covid-19, recomendamos-lhe concertos históricos para ver em casa

Em 2006, os Pearl Jam mataram as saudades dos fãs portugueses com dois concertos: a 4 e 5 de setembro, no então Pavilhão Atlântico, em Lisboa.

Ausentes do nosso país desde 2000, ano em que tocaram no Estádio do Restelo, os norte-americanos ofereceram alinhamentos longos e generosos, nomeadamente em surpresas que os fãs gostaram de escutar.

No jornal Público, escreveu-se: "Eddie Vedder continua a ser o mestre de cerimónias perfeito. À voz de barítono junta o carisma infalível de quem sabe conduzir milhares de pessoas como se estivesse a falar com cada uma delas em cada momento (em inglês, mas também em português). Podia ser uma estrela de rock, mas nunca o será. É, isso sim, o maestro de uma banda que toca como se 'Pearl Jam' [álbum editado naquele ano] fosse, de facto, o primeiro álbum".

Alinhamento:


Wasted Reprise
Life Wasted
Animal
Corduroy
Severed Hand
World Wide Suicide
Even Flow
I Am Mine
Gods' Dice
Given to Fly
Do the Evolution
Wishlist
Lukin
Not for You
Comatose
Elderly Woman Behind the Counter in a Small Town
Jeremy
Why Go

Encore:
Last Kiss
Inside Job
Black
Crazy Mary
Alive

Encore 2:
Big Wave
Better Man
Leash
Baba O'Riley
Yellow Ledbetter