Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Adele e o ex-marido, Simon Konecki

Kevin Mazur/Getty Images

Adele pode ter que dar metade da fortuna ao ex-marido

O divórcio de Adele pode vir a custar-lhe muito dinheiro

Adele está a meio do processo de divórcio do ex-marido, Simon Konecki, e segundo informações avançadas por vários jornais britânicos poderá ficar sem metade da sua fortuna, avaliada em 175 milhões de euros, aproximadamente, visto que não assinou um acordo pré-nupcial de separação de bens.

Recorde-se que o casal se separou em abril do ano passado, depois de três anos de casamento e oito de relação, e que a cantora pediu o divórcio em setembro. O ex-casal tem um filho, Angelo, de seis anos, e deverá manter guarda conjunta, a pedido de Adele, o que parece revelar que a separação decorre de forma amigável.

Os detalhes do divórcio, particularmente as questões financeiras, não deverão ser divulgadas ao público, visto que a artista conseguiu assegurar um acordo de confidencialidade.

Recorde-se que Adele citou "diferenças irreconciliáveis" quando pediu o divórcio, mas terá comprado uma propriedade em Los Angeles muito perto de onde o ex-marido vive, o que poderá facilitar a guarda conjunta do filho.