Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Getty Images

Primavera Sound de Barcelona foi adiado

A decisão acaba de ser anunciada pela organização do festival catalão, que se realiza uma semana antes do 'irmão' português, no Porto

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

O Primavera Sound de Barcelona, que se devia realizar na Catalunha entre 3 e 7 de junho, foi adiado para o final de agosto, devido à pandemia de Covid-19.

A decisão foi comunicada ontem e dá conta das novas datas do grande festival espanhol, que agora acontecerá entre 26 e 30 de agosto.

Não se conhecem ainda as implicações desta decisão na edição portuguesa do festival, o NOS Primavera Sound, marcado para 11, 12 e 13 de junho, no Porto, com a organização espanhola a remeter para tempos próximos mais pormenores sobre o festival do Parque da Cidade do Porto.

Certo é que a mudança de planos do Primavera Sound de Barcelona terá consequências no seu "irmão mais novo", o Primavera Sound do Porto. Os eventos partilham vários nomes do cartaz, como Lana Del Rey, Tyler the Creator, Pavement ou Beck. Com a passagem do festival catalão para o verão, não é certo que o cartaz do evento catalão seja o mesmo, como parece altamente improvável que a edição portuguesa mantenha as mesmas datas, tendo também em conta as previsões sobre o pico da pandemia (que se poderá estender até maio) avançadas pela Direção Geral de Saúde, e o previsível alargamento do estado de emergência decretado pelo Governo.

No passado dia 13, José Barreiro, responsável pelo NOS Primavera Sound, afirmou à BLITZ que a organização do festival do Porto está a trabalhar em várias alternativas possíveis.

"É um puzzle muito difícil de gerir, mas num ano atípico pode haver soluções que agradem a todos e que num ano normal não seriam exequíveis", disse o homem-forte da promotora Pic-Nic.

Em comunicado, a organização do Primavera Sound de Barcelona refere que motivos de força maior levam a este adiamento.

"A nossa prioridade sempre foi garantir a segurança do nosso público, dos artistas e de todos os que estão envolvidos no festival", pode ler-se ainda.

Os bilhetes comprados para junho serão válidos para as novas datas.

"Vamos enfrentar isto juntos. E havemos de celebrar o nosso 20º aniversário juntos. Ficamos à vossa espera em Barcelona, no final de agosto. Primavera no verão, uma vez na vida", despedem-se os responsáveis pelo festival.