Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Evangeline Lilly

Getty Images

Protagonista da série "Lost" recusa-se a fazer quarentena, apesar de ter o pai gravemente doente

Afirmações polémicas de Evangeline Lilly, que se tornou conhecida com “Lost - Perdidos” e está hoje a viver com o pai, que tem cancro

Evangeline Lilly, protagonista da série "Lost" e conhecida como a Vespa do universo cinematográfico da Marvel, recusa-se a fazer quarentena devido à pandemia do novo coronavírus, dizendo numa publicação no Instagram, que valoriza mais a sua liberdade do que a sua vida.

"Acabei de deixar os meus filhos na ginástica. Lavaram as mãos antes de entrarem. Estão a brincar e a rir", disse a atriz, que vive com o pai, doente oncológico no estádio IV de leucemia e, portanto, fazendo parte da população de maior risco de ser infetado pelo vírus da Covid-19.

"[Também] tenho o sistema imunitário comprometido neste momento. Tenho dois filhos jovens. Há pessoas que valorizam as suas vidas mais do que a sua liberdade, outras que valorizam mais a liberdade do que a vida. Todos fazemos as nossas escolhas", reagiu Lilly aos comentários críticos dos seus seguidores.

Não ficou por aí, sugerindo que a pandemia está relacionada com as eleições presidenciais nos Estados Unidos: "há sempre 'algo' em ano de eleições. Neste momento, estamos demasiado perto da lei marcial para aquilo que me é confortável, tudo em nome de uma gripe com sintomas respiratórios. É enervante".

Recorde-se que há várias celebridades infetadas com o novo coronavírus, entre os quais Tom Hanks e a mulher Rita Wilson, Idris Elba, Olga Kurylenko, o CEO da editora de música Universal, Lucian Grainge, e mesmo um ex-colega de elenco de Lilly em "Lost", o ator Daniel Dae Kim.