Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Festival South by Southwest não irá devolver o dinheiro dos bilhetes

Organização do festival norte-americano avança que os compradores de bilhetes não serão ressarcidos pelo cancelamento devido ao coronavírus

O festival South By Southwest (SXSW) anunciou que não irá reembolsar os portadores de bilhete, após o cancelamento do evento devido aos receios em torno do novo coronavírus.

A edição de 2020 foi a primeira a ser cancelada pelo festival, que já leva 34 anos de vida. O SXSW afirma que tem uma política expressa de não-reembolso.

"Todos os pagamentos feitos ao SXSW não são reembolsáveis seja por que motivo for", pode ler-se nos regulamentos do festival.

"Isso inclui, sem exceção, doença, atos de Deus, problemas com viagens, incidentes terroristas, perda de emprego ou compras em duplicado".

Num e-mail enviado aos portadores de bilhete e mais tarde partilhado no Reddit, a organização do SXSW afirma estar a planear o adiamento do evento para mais perto do final do ano.

Em declarações ao jornal The Austin Chronicle, o cofundador do festival, Roland Swenson, afirmou que o SXSW "tem seguro contra tudo, mas infeções bacterianas, doenças transmissíveis, vírus e pandemias não estão cobertos" pelo mesmo.

À perda do valor dos bilhetes poderá juntar-se, ainda, outra despesa: os festivaleiros que cancelarem as suas reservas em hotéis, feitas através do SXSW, terão que pagar uma taxa no valor de 50 dólares (44 euros).