Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Instagram Jair Bolsonaro/Instagram Pussy Riot

Pussy Riot no Brasil. Cartaz do concerto é a cabeça de Bolsonaro cheia de lixo

Lixo tóxico, poluição e armas: o Presidente do Brasil visto pelas Pussy Riot

O concerto das Pussy Riot em São Paulo, que se realiza esta quinta-feira, já está a gerar alguma controvérsia no Brasil.

Isto porque o cartaz alusivo ao concerto mostra o rosto do presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, construído a partir de um amontoado de lixo tóxico, poluição e armas.

Na sua página oficial do Facebook, a banda russa partilhou uma mensagem em português do Brasil: "Sobre esta cabeça feita e cheia de restos as Pussy Riots cantam e dançam", pode ler-se.

"Nós somos Pussy Riots. Juntos façamos aqui nossa revolta sobre esta cabeça monumento-destruição. Num monumento cadafalso na Praça Vermelha em [Moscovo] elas cantaram e dançaram pela primeira vez para o mundo inteiro".

"Somos agora Pussy Riots espalhados por todo o planeta, e aqui no Brasil vamos cantar, dançar e nos revoltar como se estivéssemos sobre esta cabeça-busto-desgoverno-monumento-vazia de ideias, e façamos dela detritos!", continuam.

Veja o cartaz: