Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Os Strokes vão tocar num comício de Bernie Sanders para que “a América volte a ser uma democracia”

O apoio dos Strokes ao mais feroz opositor de Donald Trump

Os Strokes irão dar um concerto num comício de Bernie Sanders, candidato à presidência dos Estados Unidos pelo Partido Democrata e um dos mais ferozes críticos de Donald Trump.

A banda norte-americana irá atuar no Whittemore Center em Durham, no estado do New Hampshire, a 10 de fevereiro, véspera das eleições do Partido Democrata naquele estado.

"É uma honra sermos associados a um patriota tão dedicado, diligente e de confiança", afirmou o vocalista Julian Casablancas em comunicado.

"Visto que é o único candidato que não está ligado ao mundo empresarial, Bernie Sanders representa a nossa única hipótese de derrubar o poder das mãos das grandes empresas, e ajudar a devolver a América à democracia. É por isto que o apoiamos".

O concerto é de entrada livre, mas limitado ao tamanho do espaço.

À semelhança dos Strokes, artistas como Cardi B, Vampire Weekend, Bon Iver, Ariana Grande e Jack White mostraram já o seu apoio a Sanders.

Recorde-se que os autores de 'Last Nite' regressam este ano a Portugal, para um concerto no festival NOS Alive, a 11 de julho.