Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Angel Olsen - NOS Primavera Sound

Rita Carmo

Angel Olsen hoje em Lisboa. “Este é o disco mais esquisito que já fiz”

A norte-americana atua hoje (dia do seu aniversário) e amanhã em Lisboa, chegando ao Porto na sexta-feira. Em entrevista ao Expresso, falou sobre os receios que sentiu quando lançou o mais recente “All Mirrors”

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

Hoje e amanhã no Capitólio, em Lisboa, na sexta-feira no Hard Club, no Porto. Angel Olsen está de regresso a Portugal para apresentar o mais recente, e aclamado, “All Mirrors” (2019), com três concertos já esgotados (em Lisboa, os espetáculos têm organização da ZDB).

Em entrevista ao Expresso, realizada poucos dias antes do Natal, a norte-americana mostrou-se entusiasmada com a perspetiva de celebrar em Portugal o seu 33º aniversário (a cantora-compositora nasceu a 22 de janeiro de 1987, no estado do Missouri).

“Vai ser divertido, mesmo se estivermos um pouco enferrujados. Como tirámos um mês de férias, vamos chegar a Lisboa um pouco antes [dos concertos] para ensaiar. Mas já estamos à vontade com o material novo, já não estou preocupada”, garantiu Angel Olsen.

Quanto à receção positiva que “All Mirrors” teve, a autora de “Burn Your Fire For No Witness” confessou: “Este é provavelmente o disco mais esquisito que já fiz, por isso não sabia o que esperar em termos de reação, sobretudo por parte dos novos fãs que ganhei com o ‘My Woman’ [álbum de 2016]. Não sabia se essas pessoas iam gostar ou se se iam identificar, porque me pareceu que este disco era muito pessoal, de uma forma diferente. Não tinha a certeza se seria adequado para um público pop”.

Os concertos no Capitólio começam às 21h30, com primeira parte de Hand Habits, projeto da guitarrista norte-americana Meg Duffy. Angel Olsen chega às 22h15.

Para ler a entrevista de Angel Olsen ao Expresso, siga este link.