Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

António Zambujo, Ana Moura e José Avillez

Boa Onda

Ana Moura e António Zambujo juntam música à comida de José Avillez em novo restaurante

“Canto”, o novo espaço em Lisboa do chef José Avillez, abre portas em fevereiro e tem programação musical curada por Ana Moura e António Zambujo

Ana Moura e António Zambujo juntaram-se ao chef José Avillez para abrir um novo restaurante com programação musical no Largo de São Carlos, no Chiado, em Lisboa. O espaço com decoração da designer de interiores Joana Astolfi, esta terça-feira apresentado à imprensa, chama-se "Canto" e abre portas no início do mês de fevereiro, contando com programação musical, que não será exclusivamente de fado, curada pelos dois fadistas.

António Zambujo e Ana Moura com o chef José Avillez no palco do "Canto"
1 / 7

António Zambujo e Ana Moura com o chef José Avillez no palco do "Canto"

Boa Onda

O interior do restaurante "Canto"
2 / 7

O interior do restaurante "Canto"

Grupo José Avillez

O interior do restaurante "Canto"
3 / 7

O interior do restaurante "Canto"

Grupo José Avillez

Pormenores de decoração do restaurante "Canto"
4 / 7

Pormenores de decoração do restaurante "Canto"

Grupo José Avillez

Pormenores de decoração do restaurante "Canto"
5 / 7

Pormenores de decoração do restaurante "Canto"

Grupo José Avillez

Pormenores de decoração do restaurante "Canto"
6 / 7

Pormenores de decoração do restaurante "Canto"

Grupo José Avillez

José Avillez com António Zambujo e Ana Moura
7 / 7

José Avillez com António Zambujo e Ana Moura

Boa Onda

A iniciativa saiu de telefonema entre Avillez e Moura e de uma conversa da fadista com Zambujo. As conversações versaram sobre o amor pela música e a comida partilhado pelos três: "este é o primeiro restaurante da Ana e do António. Eu já tenho muitos", disse o chef durante a apresentação do espaço. Os dois fadistas falaram sobre a sua experiência em casas de fado e prometeram convidar não só cantores como "pessoas ligadas à literatura e até pintores" para atuar no restaurante.

Com uma carta inspirada na cozinha portuguesa, onde se destacam o arroz de marisco, bacalhau à brás, pluma de porco preto e bife do lombo, o restaurante abrirá de terça-feira a sábado, apenas para jantares (das 19h às 00h), e a entrada será possível mediante o pagamento de um bilhete individual (€75,00) que dá acesso ao espetáculo intimista e ao jantar. Os dois fadistas comprometem-se a marcar presença no espaço dentro das suas possibilidades mas toda a programação estará a seu cargo.

As atuações têm a duração de, aproximadamente, 45 minutos e acontecem entre as 21h30 e as 22h15. Às sextas e sábado há ainda o "jantar fora de horas", entre as 23h e as 02h (consumo mínimo de €20,00, sem necessidade de adquirir bilhete previamente mas a reserva é aconselhada), que inclui música ao vivo entre as 23h30 e as 00h30.

Ana Moura e António Zambujo subiram ao palco na noite de apresentação, junto com o pianista Filipe Melo, Ângelo Freire na guitarra portuguesa e o contrabaixista Diogo Aléxis. Além de cantarem temas do seu reportório, como 'Zorro' ou 'Não Hesitava Um Segundo', os dois fadistas encerraram a atuação com uma versão de 'Lua Nha Testemunha', morna celebrizada por Cesária Évora.