Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Billie Eilish

Billie Eilish furiosa com revista que manipulou foto sua

“Nunca foi nossa intenção confundir ou insultar a Billie”, desculpou-se a publicação

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

Billie Eilish mostrou-se indignada com a revista alemã Nylon, que na capa da sua mais recente edição apresentou uma imagem construída a partir de uma foto sua.

“Bem-vindos ao futuro”, começou por apresentar a equipa da Nylon, que dedicou a edição ao tema Prodígios Digitais.

“Pedimos aos fãs que nos contassem histórias de três prodígios que estão a redefinir o futuro do que é ser uma super-estrela digital”, acrescenta a publicação, que na capa colocou uma imagem de Billie Eilish, transformada em robô.

Nos comentários da publicação no Instagram, a jovem norte-americana manifestou a sua revolta.

“A Nylon nunca me informou sobre este artigo. Não sabia que ia acontecer, nem eu nem ninguém na minha equipa. Isto nem é uma foto minha”, escreve. “Não tive qualquer input criativo [na imagem]”.

Billie Eilish, que muito em breve atua em Portugal pela primeira vez, lamentou ainda que a Nylon a tivesse colocado “sem camisa, aos 17 anos, numa capa. Mesmo que quisessem que a foto parecesse uma versão robótica de mim, não dei qualquer consentimento. E ainda me tiram o cabelo todo?”.

A revista já se justificou, explicando que nunca foi sua intenção criar um visual que “confundisse ou insultasse” a artista. “Só quisemos homenagear o impacto e o trabalho da Billie, criando este avatar como parte de uma série de capas que destacam o poder dos artistas prodígio da era digital”.

Veja aqui a capa que indignou Billie Eilish: