Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Noel Gallagher: “Eu gostava da minha mãe, até que ela deu à luz o Liam”

Gallagher x Gallagher: o embate continua

Noel Gallagher deu uma entrevista ao jornal The Guardian, na qual voltou a deixar duras críticas ao seu irmão, Liam.

O ex-Oasis começou por dizer que as entrevistas são "um risco profissional", e mostrou o seu desprezo pelas mesmas de forma bem-humorada.

"Estás sentado num quarto com um tipo sueco que nunca conheceste e ele faz-te uma pergunta sobre a tua mãe. A resposta honesta é: 'que tens a ver com isso?'. Mas a resposta esperta é 'gostava da minha mãe, até que ela deu à luz o Liam'".

Noel admitiu, ainda, ter visto a transmissão do concerto do seu irmão em Glastonbury, em junho. "Acho que nunca senti tanta vergonha alheia em toda a minha vida", afirmou.

"Ele conseguiu fazer um truque impossível, que foi tornar as canções dos Oasis fracas e desafinadas. E parecia que estava a ter o pior dia da vida dele, vestido com o que parecia ser um pijama do meu filho. Se não as sabes cantar, não cantes".

Já em relação ao documentário de Liam, "As It Was", está nos planos de Noel Gallagher vê-lo eventualmente, "porque ouvi dizer que é hilariante".

O humor fica de lado quando Noel fala das mensagens que Liam enviou à sua filha, há algumas semanas. "Ele está a ameaçar a minha mulher através da minha filha adolescente. E eu penso, se ele não fosse uma estrela rock, já tinha a polícia à porta", contou.

O músico garante, por fim, que os dois irmãos não se irão reconciliar. "Tenho uma falha na minha perfeição enquanto ser humano, que é não perdoo as pessoas. Assim que começa a mandar mensagens aos meus filhos, e os filhos dele fazem o mesmo, e a tornar legítimo o bullying que a minha mulher sofre online, isso não irá acontecer", rematou.