Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Billie Eilish

Billie Eilish, a estrela pop que ainda vai ao pediatra, na capa da Rolling Stone: “Nunca vou ter 27 anos, é demasiado velho”

A cantora norte-americana, que em setembro atua em Lisboa, deu uma entrevista reveladora à Rolling Stone

Lia Pereira

Lia Pereira

Jornalista

Billie Eilish, a cantora norte-americana que em setembro fará a sua aguardada estreia em Portugal, com um concerto na Altice Arena, em Lisboa, deu uma longa entrevista de capa à Rolling Stone.

Neste artigo, a jovem nascida em dezembro de 2001 -- e, como tal, a única artista nascida neste milénio a conseguir chegar ao primeiro lugar do top norte-americano de vendas - faz algumas revelações.

À conversa com Josh Eels, Billie Eilish (Billie em honra do pai, que morreu antes de a filha nascer) conta que nunca comprou um CD e que acredita que nunca terá 27 anos: “isso é demasiado velho”.

Também ouvida no artigo, a mãe da cantora de 17 anos diz que Billie ainda é vista por um pediatra.

Recentemente, a morada da família apareceu na net, o que fez com que alguns fãs aparecessem à porta da sua estrela favorita; durante alguns dias, um guarda-costas teve de dormir na sua sala, o que traumatizou a adolescente. “Já não me sinto segura em minha casa, o que é uma treta, porque eu adoro a minha casa”.

Billie Eilish na capa da Rolling Stone

Billie Eilish na capa da Rolling Stone

Educada em casa pelos pais, Billie Eilish começou a dar nas vistas quando, há quatro anos, partilhou no Soundcloud uma canção que preparou com o seu irmão mais velho, Finneas. 'Ocean Eyes' tornou-se viral e, mesmo antes de o seu primeiro álbum sair, Billie tinha mil milhões de escutas no Spotify.

Na mesma entrevista, escreve-se que Billie Eilish sofre de síndrome de Tourette e que, apesar da imagem de rapariga rebelde que tenta passar em algumas das suas canções, esta adolescente não bebe álcool, nunca tomou drogas e nunca comeu carne.

Inicialmente, o concerto da norte-americana em Lisboa estava marcado para o Coliseu de Lisboa. Depois, passou para a Sala Tejo da Altice Arena, tendo acabado por esgotar a totalidade da sala em tempos conhecida como Pavilhão Atlântico. A sua estreia em Portugal acontece a 4 de setembro