Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

NOS Alive 2019

Rita Carmo

35 graus à sombra e até os góticos usam biquíni. Uma volta completa ao NOS Alive

Tiramos a temperatura - e que temperatura! - aos primeiros momentos do festival de Algés. Rock no coreto, t-shirts feias e bonitas, vegetarianismo e sede, muita sede

Não há como evitá-lo - proteja-se se vier para Algés. Está um calor inédito neste truculento verão de 2019. 35 graus à sombra, um sol de estrelar ovos.

A moda oficial é, como dizia o outro, várias. Mas, sobretudo, é pouca roupa. Entre biquínis, t-shirts de Joy Division combinadas com calções curtos e preto pantone Cure, a ordem é para despir.

Galgando terreno, fujindo das selfies alheias com jogo de ancas, passamos por um espaço para futuras mamãs e aterramos nas bancas de merchandising: de 16 a 40 euros, o festivaleiro pode vestir a clássica t-shirt 'Zero' dos Smashing Pumpkins, vestuário Thom Yorke acabado de sair (como "Anima", o seu novo álbum a solo), trajes de modernos vampiros de fim de semana e umas aterradoras sweat shirts dos Cure com grafismo Spice Girls circa 1997.

Na rua da EDP, réplica da urbe mais castiça lisboeta (que não resiste senão em réplica, que Alfama já não é nossa), há pão quente, tattoos temporárias, roupa de marca (como se usava dizer), a loja do MAAT e Álvaro Covões - óculos de sol empoleirados no cabelo - a caminho do EDP Fado Café, onde mais tarde Camané servirá dose dupla.

EDP Street no NOS Alive 2019
1 / 11

EDP Street no NOS Alive 2019

Rita Carmo

EDP Street no NOS Alive 2019
2 / 11

EDP Street no NOS Alive 2019

Rita Carmo

EDP Street no NOS Alive 2019
3 / 11

EDP Street no NOS Alive 2019

Rita Carmo

Camané no EDP Fado Café NOS Alive 2019
4 / 11

Camané no EDP Fado Café NOS Alive 2019

Rita Carmo

Camané no EDP Fado Café NOS Alive 2019
5 / 11

Camané no EDP Fado Café NOS Alive 2019

Rita Carmo

Camané no EDP Fado Café NOS Alive 2019
6 / 11

Camané no EDP Fado Café NOS Alive 2019

Rita Carmo

EDP Street no NOS Alive 2019
7 / 11

EDP Street no NOS Alive 2019

Rita Carmo

EDP Street no NOS Alive 2019
8 / 11

EDP Street no NOS Alive 2019

Rita Carmo

EDP Street no NOS Alive 2019
9 / 11

EDP Street no NOS Alive 2019

Rita Carmo

EDP Street no NOS Alive 2019
10 / 11

EDP Street no NOS Alive 2019

Rita Carmo

EDP Street no NOS Alive 2019
11 / 11

EDP Street no NOS Alive 2019

Rita Carmo

Percorremos a zona de alimentação, ou melhor, a maior das zonas de alimentação. A impressão com que ficamos é a de que este ano há comida um pouco por todo o lado, com o grito de guerra 2019 a ser um recorrente 'go veggie'. Um bem-vindo contraponto ao omnipresente porco, pau para toda a obra na tradicional alimentação festivaleira.

No coreto há rock garageiro dos Sunflowers ao lado dos matrecos. No palco Sagres os Honne pedem desculpas pela demora na vinda a Portugal. No Clubbing os Jaguar Jaguar são tropicais. No palco grande (NOS), os Linda Martini pedem ao povo para se chegar à frente, onde a sombra é maior. O Alive aquece.