Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Filme “Variações” terá um inédito chamado “Quero Dar Nas Vistas”. Em estúdio, com a banda que lhe deu vida [VÍDEO]

A SIC esteve no estúdio onde foi gravada a banda sonora do filme sobre António Variações e assistiu à interpretação de um tema inédito

O filme "Variações" chega às salas de cinema portuguesas a 22 de agosto. Um dia depois do lançamento do filme, vai ser lançado o disco com a banda sonora.

Em estúdio, a SIC ouviu Armando Teixeira, produtor do álbum, falar sobre um inédito resgatado às famosas cassetes onde António Variações gravava, de forma primitiva, as primeiras versões das suas canções. Chama-se "Quero Dar Nas Vistas" e é, segundo o diretor musical do projeto, "o que parece ser a apresentação dele à [primeira] banda".

O trabalho é descrito como "quase arqueologia". "É como descobrir um fóssil em que só vês a cauda de um bicho e tens que completar o bicho inteiro", afirma.

Nesta reportagem assinada por Iryna Shev podemos também ver Sérgio Praia, o protagonista do filme e a voz das canções de Variações na banda sonora, a interpretar o inédito com uma banda composta por Vasco Duarte, David Santos, Duarte Cabaça e o próprio Armando Teixeira (nas teclas).

A música de António Variações vai estar presente nos três dias do NOS Alive. O festival de Algés vai ser palco de três concertos de Variações, a banda formada a partir filme homónimo que chegará aos cinemas a 22 de agosto.

“Variações”, biografia cinematográfica de António Variações, conta com realização e argumento de João Maia. Depois de um percurso conturbado – passaram-se quinze anos desde que o realizador garantiu um subsídio para escrever o guião de “Variações” –, o filme tem estreia no ano em que se assinalam 35 anos da morte do músico, cantor e compositor autodidata, e 75 do seu nascimento.