Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Primeiro artista trap latino abertamente gay foi assassinado

Kevin Fret tinha 24 anos

Kevin Fret, o primeiro artista de trap latino abertamente gay, foi assassinado esta quinta-feira em Porto Rico, de onde era natural. Tinha 24 anos.

Segundo o jornal El Nuevo Dia, Kevin Fret terá sido baleado ao circular de mota, por volta das 5h30 locais, acabando por morrer no hospital.

O seu manager, Eduardo Rodriguez, emitiu posteriormente um comunicado à imprensa no qual menciona "uma alma artística e um sonhador com um grande coração".

"A sua paixão era a música, e ele ainda tinha muito a fazer", continuou. "Esta violência tem que parar. Não há palavras que possam descrever o que estamos a sentir, e a dor que nos provoca saber que uma pessoa com tantos sonhos teve que partir".

Kevin Fret começou por se destacar em abril do ano passado, com o single 'Soy Asi'.