Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

siga-nos

Perfil

Notícias

Bruna Lombardi em 2010

Getty Images

Bruna Lombardi acusa Jon Bon Jovi de assédio

A atriz brasileira também apontou o dedo a Donald Trump

A atriz brasileira Bruna Lombardi acusou Donald Trump e Jon Bon Jovi de a terem assediado, dizendo ainda ter tido de "lidar com muito machismo" ao longo da sua carreira.

Em entrevista ao jornal brasileiro O Globo, a atriz recordou insinuações feitas pelo atual presidente dos Estados Unidos, que lhe perguntou se "era casada", e pelo líder dos Bon Jovi, que lhe disse estar disposto "a gastar um bom dinheiro" com ela.

"Tive de lidar com muito machismo, mas preparei-me para isso. O feminismo é um assusto que esteve sempre na minha cabeça, não é uma novidade", acrescentou.

A atriz referiu, ainda, que as mulheres de hoje "estão muito mais conscientes" em relação a este tipo de problemas e temáticas. "As agressões domésticas, por exemplo, já não ficam impunes, ao contrário do que acontecia antes", referiu.