Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Mark Lanegan

Getty Images

Mark Lanegan responde a declarações polémicas do vocalista dos Eagles of Death Metal: “Custa-me ver como estás perdido”

Jesse Hughes apelidou os protestantes anti-armas de fogo de "patéticos e nojentos"

Mark Lanegan comentou as declarações recentes de Jesse Hughes, vocalista dos Eagles of Death Metal, que apelidou os estudantes que protestaram recentemente nos EUA contra a livre posse e circulação de armas de fogo de "patéticos e nojentos".

"Quando penso em todos os bons momentos pelos quais passámos, custa-me ver como estás perdido. Volta, mano", escreveu Lanegan, no Twitter.

Lanegan respondeu, ainda, a um homem que comentou que a única pessoa "perdida" era ele próprio. "Sei que o Jesse é um tipo que faria tudo por ti. Não alguém capaz de atacar outras pessoas por terem uma opinião diferente da dele", escreveu.

Os comentários controversos de Jesse Hughes já foram, entretanto, apagados. O vocalista dos Eagles of Death Metal chamou ainda "traidora à pátria" a Emma Gonzalez, uma das sobreviventes do tiroteio numa escola em Parkland, na Flórida, no mês passado, hoje ativista contra as armas de fogo.