Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Manel Cruz e Tinariwen entre as novas confirmações do festival Mimo, em Amarante

São conhecidos mais nomes para a segunda edição do festival, que tem entrada gratuita

Há três novas confirmações para o Festival Mimo, que decorre de 21 a 23 de julho em Amarante: Tinariwen e Nação Zumbi, com concertos marcados para dia 21, e Manel Cruz, a quem cabe a tarefa de encerrar o festival, a 23.

Manel Cruz, conhecido do público pelo seu trabalho como vocalista dos Ornatos Violeta, Pluto, Supernada e Foge Foge Bandido, regressa este verão aos palcos com concertos em nome próprio. Depois de Estação de Serviço, projeto que apresentou em 2015, o Festival Mimo vai ser o primeiro a receber o músico e compositor portuense que promete trazer, para além de músicas novas, alguns dos seus temas mais marcantes, na companhia de Edú Silva (no baixo e teclados), Nico Tricot (na flauta transversal, teclados e guitarra elétrica) e António Serginho (na percussão e teclados), que já tocaram com Cruz nos seus últimos espetáculos. À BLITZ, Manel Cruz adiantou ainda que 2018 poderá trazer um álbum novo.

O primeiro dia do festival vai receber guitarras do deserto e rock brasileiro. Os tuaregues Tinariwen vêm ao Mimo apresentar o seu novo álbum, Elwan, num concerto que assinala a sua edição em Portugal. Gravado em França, Marrocos e Califórnia, este novo registo do grupo do Saara do norte do Mali conta com a participação de Matt Sweeney (guitarrista de Chavez, Bonnie "Prince" Billy e da mais recente banda de Iggy Pop), Kurt Vile, Mark Lanegan e Alain Johannes (que tocou com Queens Of The Stone Age entre 2005 e 2007).

Nação Zumbi, a última confirmação do Festival Mimo, vem do nordeste brasileiro. Em Amarante, a banda de Pernambuco vai viajar pelo passado e, principalmente, dar a conhecer o novo álbum, que assinala também os 20 anos da morte de Chico Science, vocalista e fundador do grupo. O homónimo Nação Zumbi, que tem como convidada Marisa Monte, marca o regresso do grupo depois de sete anos sem álbuns.

Até agora, o primeiro e único nome conhecido do cartaz era Herbie Hancock que, segundo a organização, vem ao festival nortenho para um concerto exclusivo em Portugal.

O Festival Mimo, que nasceu no Brasil, assinala em Portugal a sua segunda edição e tem entrada livre.

MD