Perfil

Blitz

Uma parceria com o jornal EXPRESSO

Notícias

Justin Bieber

Getty Images

Homem faz-se passar por Justin Bieber e é acusado de mais de 900 crimes sexuais contra crianças

Australiano de 42 anos que pedia imagens íntimas a crianças na Internet foi detido pela polícia

Um homem australiano, residente em Melbourne, de 42 anos que se fazia passar por Justin Bieber foi detido pela polícia e acusado de 931 crimes sexuais contra crianças.

O acusado, que tem historial de assédio sexual de menores, usava contas falsas no Facebook e Skype para pedir imagens íntimas às vítimas - as mais antigas, datam de 2007.

"O facto de tantas crianças acreditarem que estavam a comunicar com esta celebridade em particular sublinha a necessidade de repensarmos a forma como educamos as nossas crianças no que diz respeito à segurança online", disse um porta-voz da polícia, citado pela agência Reuters.